search

(84) 2020-4358 • contato@sindern.com.br

NOTÍCIAS

 
Notí­cias
18.12.2019

SINDERN participa de audiência do Fórum dos Servidores com governo do RN

O SINDERN e demais sindicatos que compõem o Fórum dos Servidores do RN realizaram reunião que debateu pontos apresentados em documento oficial protocolado na Governadoria, na última sexta-feira, 13 de dezembro. Durante o encontro os trabalhadores discutiram a futura proposta da RPPS. A reunião aconteceu na manhã desta terça-feira (17) na sede do SINDIFERN.

O material referente a RPPS, bem como a pauta reivindicatória seriam discutidos a tarde por ocasião da audiência que havia sido pré-agendada desde o mês passado, com o Comitê Gestor na perspectiva de discutir a referida pauta.

Os servidores foram surpreendidos com a ausência do Governo mais uma vez. Durante o encontro que já estava agendado previamente estiveram presentes o somente o Secretário da Tributação Carlos Eduardo, o Presidente do Instituto da Previdência, Nereu Linhares e o Subcoordenador da SEARH, José Ediran. Tais representantes estiveram apenas para receber os encaminhamentos do Fórum quanto a proposta da Reforma da Previdência no RN, não para dialogar ou apresentar algum tipo de posicionamento.

O Fórum entregou um ofício ressaltando posição contrária a Reforma Previdenciária do RN e com as devidas observações/proposições sobre o pacote de recuperação fiscal. A pauta não foi contemplada. Situação que não foi aceita pelas entidades fazendo com que os dirigentes presentes seguissem até a Governadoria para cobrar a Audiência com o Comitê Gestor.

Após um longo período de espera e persistência, os servidores e entidades sindicais foram recebidos pelo Chefe de Gabinete, Raimundo Alves. O mesmo não sinalizou nenhuma perspectiva para negociação da pauta que já está há cerca de doze meses na mesa. Afirmou ainda que o calendário de dezembro e o 13° serão cumpridos, que não tem como propor calendário para 2020, muito menos das folhas atrasadas. Propôs uma audiência para segunda quinzena de janeiro de 2020. Segundo o mesmo para debater a proposta de RPPS, sem sinalizar com nenhuma perspectiva de atender as reivindicações.

Dessa forma, o Fórum encerra o ano sem nenhuma resposta concreta do Governo quanto a  apresentação do Fluxo de Caixa de novembro de 2019 e a previsão de dezembro de 2019, o calendário de pagamento dos salários atrasados, do décimo e de 2020, em relação a reposição salarial mínima de 16,38% para todos os servidores e os informes sobre a auditoria da CONTROL nos contratos terceirizados. A reunião foi encerrada com profunda decepção.


 

VOLTAR